quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Quem já viu cabeça de bacalhau?!

Para os apreciadores da boa massa e de um bom bacalhau do porto, hoje vou postar uma receitinha básica - MACARRÃO ALHO E ÓLEO COM BACALHAU DESFIADO. É um macarrão super fácil, mas você só precisa ter o cuidado de desalgar o bacalhau no dia que você for preparar o prato. Como ia fazer uma massa, comprei um pacotinho de bacalhau desfiado mesmo (se você mora aqui em Uberlândia, pode encontrar o produto de "boa qualidade" na Chocolândia). Para desalgar você retira o bacalhau da embalagem e coloca numa bacia, enche de água filtrada gelada e deixa repousar por 3 horas, depois vocês ecorre esta água e repete o procedimento novamente, deixando por mais 3 horas. Após a segunda água, você já pode usar o bacalhau e fazer o seu prato escolhido.
Aproveitando, queria agradecer a ilustre visita do primo do meu marido, diretamente de São Paulo - o Rodrigo, que apareceu rapidamente aqui na cidade e deu as caras lá em casa. Foi muito bom, porque estávamos com saudades. Demos muitas risadas e contamos muitas histórias... rsrsrsrsrs... Rô, um beijo grande viu. Gi, gostou da caixinha???

Então, vamos a receita.

Ingredientes (esta quantidade deu para 6 pessoas)
- 500gramas de bacalhau do porto desfiado
- 1 pacote de penne de boa qualidade (na maioria das vezes uso o Barila)
- azeite extra virgem (de boa qualidade)
- alho
- salsinha desidratada
- salsinha fresca
- queijo parmesão

Preparo
Numa panela com água em abundância, cozinhe a massa de acordo com as instruções ou de acordo com a maneira que você está acostumado. Provavelmente o bacalhau virá em pedaços maiores, então, desfie mais um pouco para render. Numa frigideira grande, coloque bastante azeite, até forrar o fundo da frigideira, coloque umas 2 colheres de sopa cheias de alho picadinho (ou mais, ou menos de acordo com o seu gosto) e dexei refogar um pouco. Acrescente o bacalhau desfiado para que ele incorpore bem o azeite e o alho. Deixe refogar. Vai soltar bastante água (conforme a foto), mas depois de um tempo ela vai secar e começar a dar uma leve fritadinha no bacalhau. Vá mexendo e observando. Escorra a massa e despeje-a na frigideira. Salpique a salsinha desidratada e mexa delicadamente com a ajuda de duas espátulas (ou duas colheres). Eu uso espátulas de silicone porque minhas frigideiras são anti-aderentes, assim eu evito de arranhá-las. Acrescente mais azeite se achar necessário. Experimente. Se você achar que precisa colocar uma pitada de sal, coloque, mas muito cuidado viu (eu sempre evito de colocar mais sal, até porque eu tenho o paladar mais salgado e as vezes salgo a comida sem querer). Coloque numa travessa bem bonita, rale o parmesão por cima e decore com a salsinha fresca. Pronto! É só servir acompanhado de um bom vinho branco seco.

4 comentários:

Renata disse...

Dani, ando consultando o seu blog pra me inspirar na janta pro maridão!! rsrsrs. semana passada fiz as bruschetas... meio na pressa, mas valeu uma janta! parabéns pelo blog e continue aí ajudando as amigas menos prendadas na arte culinária! beijo!! Renata Janones

dani oliveira disse...

Rê... gracinha amiga!!!

Camila Lagares disse...

Dani, que delícia!
Vou fazer.
Ah, sobre usar meia, não ví nada de meia por ai nessa primavera meio inverno que estamos passando.
Mas claro que bateu o friozinho não é pecado nenhum fazer uma boa combinação. Afinal, hoje em dia como a própria Gloria Calil fala, não tem muita regra não... a gente pode brincar com tudo.
Bjinho!
Ca

Ines Garçoni disse...

Dani, adorei essa receita, é simples e parece deliciosa! vou apostar nela aqui em casa, depois te conto...